Tags

, , , , , , , ,

O conceituado laboratório de pesquisas ConsumerLab, que procura identificar os padrões de comportamento dos consumidores, divulgou uma lista com as dez principais tendências dos consumidores para este e os próximos anos. Mantido pela Ericsson, o ConsumerLab chegou às conclusões descritas adiante a partir da coleta de entrevistas com 100.000 pessoas, oriundas de mais de 40 países, incluindo 10 megacidades.

Os resultados nem poderiam apontar rumos diferentes: a interatividade é sim a maior tendência do século XXI. Sorte de quem compreender essa e outras características que vão ditar cada vez mais o comportamento social. Fique atento!

Tendência # 1

A maior prova de que algo é importante para as nossas vidas vem daquela máxima: se mexer no bolso do consumidor… Pois se precisassem reduzir gastos diante de problemas financeiros, os consumidores garantem que a internet é uma das últimas coisas que seriam cortadas da vida. Isso porque, uma vez conectados, é difícil largar o osso! Prova de que a conectividade tomou conta da sociedade übber conectada.

Tendência # 2

Enquanto caminhamos para um futuro antes inimaginável, as pessoas assumem o poder de serem provedoras de serviços. Todo mundo acaba virando um faz-tudo, e o vizinho ao lado pode ser o solucionador de problemas que você tanto procurava!

Tendência # 3

As notícias passarão a ser cada vez mais contadas através das mídias sociais. Assim, os consumidores recebem uma avalanche de informação – em fotos, vídeos, músicas –, principal produto das mídias sociais. Por outro lado, as pessoas passam a ter discernimento maior para julgar a relevância do que consomem, e sabem que têm o poder de opinar, curtir, compartilhar…

Tendência # 4

Os celulares vieram para ficar. Por isso, os consumidores procuram serviços móveis que estejam relacionados a lugares próximos ou serviços locais. Um fato comprova definitivamente o papel que o celular assumiu em nossas vidas: 90% das pessoas que têm um smartphone dizem carregar o aparelho com elas; 80% assumem que andam com dinheiro no bolso.

Tendência # 5

A transparência vai permear as relações, tanto pessoais, quanto comerciais. À medida que todos se acostumam a viver com transparência, empresas e organizações também precisarão ter suas vidas como um livro aberto.

Tendência # 6

A nuvem será realidade. Informações lançadas ao vento, dispositivos conectados 24 horas por dia, pessoas plugadas virtualmente. Só o sistema de nuvem será capaz de facilitar o uso de tantos aparatos, sistemas, aplicativos…

Tendência # 7

O mundo será das mulheres (!?). enquanto os canais são integrados em apenas um dispositivo móvel, são as mulheres que conduzem essa adoção em massa de smartphones. O ConsumerLab percebeu que elas usam regularmente serviços como SMS, Facebook e chamada de voz, tudo direto do smartphone mais próximo.

Tendência # 8

Ainda em relação aos smartphones: 67% dos usuários realizam pagamentos móveis. Um índice inédito!

Tendência # 9

As pessoas querem se conectar ao mundo, usando o smartphone como meio para isso. O dado revelador dessa tendência veio da análise de números surpreendentes: no último trimestre de 2009, os dados móveis ultrapassaram o tráfego de voz; e esse número dobrou no primeiro trimestre de 2011.

Tendência # 10

Apesar de tentar prever as transformações sociais futuras, vivemos tempos incertos. O fato é que os consumidores anseiam por mais controle. Ao mesmo tempo que eles procuram suprir as necessidades básicas diante de imprevistos – crises econômicas ou catástrofes naturais –, buscam ter o controle do consumo de serviços quando veem que a renda aumentou. É possível que, lá na frente, os consumidores sejam as verdadeiras vozes ditando as regras do consumo capitalista.

*Débora Nobre – Jornalista da Rae,MP

Twitter: @dehnobre