Tags

, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Passamos um dia em Cunha para conhecer a WolkenburG Cervejaria e fazer a caminhada na Pedra da Macela, que reserva um visual maravilhoso no final do passeio.

Confira a reportagem e anote as nossas dicas (que estão lá embaixo) para você aproveitar melhor essa viagem!

DICAS

Você pode começar o dia subindo a montanha na Pedra da Macela, para depois ir almoçar em algum dos ótimos restaurantes espalhados pela região.

A Wolkenburg é a melhor opção para quem quer ganhar tempo, porque ela está justamente no meio do caminho entre a estrada principal e a Pedra da Macela. Mas programe-se bem! O restaurante só funciona em períodos curtos: durante a Semana Santa, em julho e em outubro. O espaço parece os típicos Biergarten alemães e serve pratos pequenos, para uma pessoa, que não são baratos. Nossa dica é que você aproveite o lugar para experimentar apenas as cervejas de trigo ou black enquanto come uma porção de lula frita, deliciosa!

Se preferir, você pode também fazer o mesmo roteiro que nós escolhemos: primeiro o almoço, depois a subida. Mas lembre-se de comer algo leve, já que o caminho é pesado e vai exigir muito esforço.

Por fim, se estiver hospedado em Cunha, você pode tomar o café-da-manhã mais tarde e começar a subir a Pedra da Macela às 11 horas (lembre-se que no verão o sol não dá trégua!). Assim, vai sobrar tempo para aproveitar o passeio e depois ir tomar um lanche no centro da cidade. Se essa for a sua escolha, coloque no roteiro uma parada na Doceria da Cidinha, imperdível!